Blog
  • Página Inicial
24
05
2017

Como evitar de vez o “efeito sanfona”

Um erro muito comum que ocorre com as pessoas que estão planejando perder peso de forma drástica, é a utilização de dietas muito restritivas, essas que você encontra em revistas ou mesmo em um busca rápida na internet, na qual prometem secar barriga, perder 5 a 10kg em poucos dias !

Essas “dietas milagrosas” até pode fazer você perder alguns quilogramas na balança em pouco tempo, principalmente se você já vinha com a alimentação muito desregrada, mas isso não significa que você emagreceu (para saber a diferença entre perder peso e emagrecer, veja esse artigo ….), a maioria desse peso que você perdeu foi líquido e sais minerais e um pouco de gordura superficial.

Por isso, hoje vou te explicar de forma bem simples o que é esse “efeito sanfona” e como superar essa fase para emagrecer de forma saudável e constante.

Primeiro vamos entender o porquê do efeito sanfona. Nosso corpo é uma máquina muito inteligente e quando ele passa por esse processo de dieta muito restritiva e começa perder peso muito rápido, ele entende isso como uma ameaça, e para corrigir, ele começa a diminuir a velocidade do metabolismo para economizar energia como forma de sobrevivência. Com seu metabolismo no modo econômico, ele gasta menos calorias e tende a acumular mais gordura por ser a melhor fonte de energia, “queimando” assim o que não é prioridade naquele momento (músculo, água e sais minerais).
E por ser uma dieta bastante restritiva e sem orientação profissional, nem você e nem ninguém consegue manter por muito tempo, aí, você voltar a comer mais e o resultado você já deve saber… seu corpo tende a retornar ao estado anterior, no qual vai funcionar como uma esponja… sugando e armazenando toda caloria ingerida.

Pronto, agora que já sabe como funciona a fisiologia do efeito sanfona, escolhi as dicas mais eficazes para você mudar sua estratégia e facilitar seu emagrecimento (perder gordura).

  1. Evite dietas da moda: elas são um dos principais causadores do efeito sanfona. É mais vantajoso iniciar uma reeducação alimentar orientada por um nutricionista, dessa forma, você vai ter um equilíbrio dos nutrientes, não vai passar fome e vai conseguir manter o hábito de se alimentar melhor por mais tempo sem prejudicar sua saúde.
  2. Devagar e sempre: não fique ansioso para querer resultados rápidos, o emagrecimento vai ocorrer de forma gradativa e pode levar um tempo, pois seu corpo está se adaptando e se ajustando a sua nova alimentação.
  3. Pratique exercício: não basta apenas se alimentar melhor, para turbinar seu metabolismo e acelerar seu emagrecimento, é fundamental incluir uma rotina de exercícios, principalmente aqueles que são mais eficazes no aumento da massa magra como por exemplo: a musculação ! (para saber mais como a musculação vai ter ajudar a emagrecer, leia esse artigo…)
  4. Beba bastante água: distribua o consumo ao longo do dia, além de ajudar a saciar a fome vai diminuir a retenção líquida te deixando menos “inchada” .